terça-feira, 18 de maio de 2010

Acordo com Irã é a maior vitória diplomática do Brasil!

Considerada a maior vitória diplomática da história do Brasil, a notícia sobre o acordo da energia nuclear do Irã, saiu em diversas mídias, tanto nacional como internacional, todas, pelo menos em sua maioria, elogiando a atuação da política Brasileira e do Presidente Lula.

Poderia muito bem ter postadado está notícia, ontem (em 17/05/10), mas infelizmente não deu, transcrevo parte do que saiu no portal do Vermelho, sobre o acordo Brasil - Irã.

Leiam no Portal do Vermelho:

17 de Maio de 2010 - 9h04


Brasil, Irã e Turquia celebram acordo nuclear assinado hoje em Teerã

Brasil, Irã e Turquia celebram acordo nuclear assinado hoje em Teerã

Acordo com Irã é a maior vitória diplomática do Brasil
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva confirmou na manhã desta segunda-feira (17) que houve acordo sobre a questão da energia nuclear do Irã. O acerto prevê que o Irã entregará 1.200 quilos de urânio à Turquia e receberá 120 quilos do produto enriquecido com monitoramento de organismos internacionais. O acordo entra na história como uma das mais emblemáticas vitórias da diplomacia brasileira e projeta o Brasil e o presidente Lula como protagonistas de primeira linha na política global.

O acordo nuclear assinado hoje por Brasil, Irã e Turquia nuclear fecha o caminho para a possibilidade que a comunidade internacional imponha novas sanções ao regime iraniano, afirmou o ministro das Relações Exteriores do Brasil, Celso Amorim.

Em entrevista coletiva em Teerã, após o anúncio do pacto, Amorim assegurou que o compromisso adquirido pelas autoridades iranianas fecha a porta para a política de sanções sugerida pelas grandes potências.

Maiores informações leia no sítio:
http://www.vermelho.org.br/noticia.php?id_noticia=129479&id_secao=9

quinta-feira, 13 de maio de 2010

Curitiba - Capital ecológica cidade do futuro, será?

Curitiba, capital da fraude e da propaganda enganosa, dita como capital ecológica, cidade planejada que busca soluções. Pura propaganda insana de Lener e sua equipe, que busca se perpetuar na política do ex-prefeito, agora candidato a Governo, Sr. Beto Richa.

Segundo pesquisa realizada:

"Em Curitiba, 2.776 pessoas vivem na rua, segundo a primeira Pesquisa Nacional sobre a População em Situação de Rua divulgada ontem pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), em Brasília.
Entre as 71 cidades pesquisadas (48 municípios com mais de 300 mil habitantes e 23 capitais), Curitiba apresentou a segunda maior proporção, com percentual de 0,154 de moradores de rua em relação à população total.
Em primeiro lugar ficou a cidade de São José dos Campos (SP), com percentual de 0,274 (1.633 habitantes)..." (fonte paranaonline de 19/07/2008).
Como podemos observar São José dos Campos, interior de SP em primeiro, ou seja, Curitiba, das 23 Capitais pesquisadas, é a primeira do Brasil com mais moradores de Rua, naturalmente que de lá para cá a situação só piorou.
Veja o vídeo(rap) de Branco Favela e comprove parte desta realidade:


video

Veja também, entre outras informações, a visão ufanista tirada do sítio da Prefeitura desta Cidade:


"A capital do Estado do Paraná, formada num altiplano 934 metros acima do nível do mar, carente de marcos de paisagem oferecidos pela natureza, acabou criando suas principais referências pela ciência e pela mão humana. No século XX, no cenário da cidade planejada, a indústria se agregou com força ao perfil econômico antes embasado nas atividades comerciais e do setor de serviços. A cidade enfrentou, especialmente nos anos 1970, a urbanização acelerada, em grande parte provocada pelas migrações do campo, oriundas da substituição da mão-de-obra agrícola pelas máquinas. Curitiba enfrenta agora o desafio de grande metrópole, onde a questão urbana é repensada sob o enfoque humanista de que a cidade é primordialmente de quem nela vive. Seu povo, um admirável cadinho que reuniu estrangeiros de todas as partes do mundo e brasileiros de todos os recantos, ensina no dia-a-dia a arte do encontro e da convivência. Curitiba renasce a cada dia com a esperança e o trabalho nas veias, como nas alvoradas de seus pioneiros".


DADOS PRINCIPAIS


Área 430,9 km² População 1.727.010 (estimativa IBGE/2004);

Bairros 75;

Relevo Levemente ondulado;

Área verde por habitante 51 m²;

Extensão Norte-Sul 35 km - Extensão Leste-Oeste 20 km;

Altitude média 934,6 m - Latitude 25º25'48'' Sul Longitude 49º16'15'' Oeste;

Fuso horário Brasília;

Clima Temperado;

Pluviosidade 1.500 mm/ano;

Temp. média no verão 21ºC - Temp. média no inverno 13ºC;

Distância de São Paulo 400 km.


Fonte Prefeitura da cidade:

terça-feira, 4 de maio de 2010

Anistia Internacional: benefício aos torturadores é afronta às vítimas :: Notícias JusBrasil

Anistia Internacional: benefício aos torturadores é afronta às vítimas :: Notícias JusBrasil

Retirado do Facebook de Luiz Inácio!









Biografia: " Eu quero para o povo brasileiro aquilo que eu não tive"


....“Obviamente que nós não temos a sapiência de um sociólogo. Ou de alguns... ou de alguns... esta semana, é engraçado, eu fui chamado de analfabeto, essa semana eu fui chamado de ditador porque indiquei a Dilma pelo dedaço e essa mesma semana eu ganhei o título de estadista do ano ... eu compreendo o ódio que isso causa. Eu compreendo, porque o intelectual ficar assistindo um operário que só tem o quarto ano primário e nao tem vergonha de dizer... ganhar tudo o que ele imaginava que ele pudesse ganhar e não ganhou por incompetência... é muito difícil... é muito engraçado porque tem gente que acha que a inteligência está ligada à quantidade de anos de escolaridade que você tem. Não tem nada mais burro que isso. A universidade te dá conhecimento, te dá aperfeiçoamento. Inteligência é outra coisa. É outra coisa. E a política é uma das ciências que exige mais inteligência do que conhecimento, muito mais inteligência. A inteligência de saber montar uma equipe não está no livro. Está na sensibilidade. A inteligência de saber tomar as decisões não está no livro, ela está no caráter, no caráter e no compromisso que tenha o dirigente que governa esse país. Mas de qualquer forma a vida é assim. As pessoas falam o que querem, ouvem o que não querem ... porque a vida é assim, a vida é dura. O que as pessoas não percebem é que diferentemente de qualquer outro presidente do Brasil, este presidente nunca precisou provar nada, porque a elite não tem o que provar. Saiu um, não deu certo, entra outro, não deu certo, todos vão fazer um curso de dois ou três anos lá fora, volta, se candidata com a maior cara de pau outra vez. Eu, eu tenho que provar a cada dia, desde que eu nasci, eu tenho que provar que tenho competência. Porque eu tenho que provar. Porque sei o fracasso do Walesa na Polônia, foi eleito presidente da República e foi concorrer e teve 0,6% [dos votos], menos de 1%. E eu tenho clareza e tinha clareza e o PCdoB sabe disso, que se nós fracassássemos ia levar mais 150 anos para um operário pensar em ser candidato a presidente da República deste país”